Blog

mantra


O que é o OM
Filosofia do Yoga | 28 nov 2021 | Equipe YogIN App

O que significa o OM

O que significa o OM O traçado do OM (ॐ) foi adotado como o símbolo universal do Yoga, mas o que significa? Quando escrito o símbolo é chamado de Omkara, quando vocalizado, pranava. O mantra é conhecido como o som de Brahman, o princípio cósmico. O OM seria o som originado na criação do Universo, ele contêm o princípio, meio e fim, é o som que mantêm tudo unido. É chamado de Matrika Mantra, o som matriz, matriarcal, que tudo originou, vocaliza-lo nos sintoniza com essa frequência cósmica. Podemos compara-lo com a luz branca, que contêm em si todas as cores. Cada Upanishad, textos que contem a filosofia central do hinduísmo, tem uma definição e descrição diferente para o OM. Uma das definições para a sílaba é avati raksati, \"aquilo que lhe protege, lhe abençoa\". Salvei os vídeos do meu snapchat (mayarabda) em que explico sobre o OM e sobre como vocalizar o OM longo e o OM repetido. Como falo no vídeo o OM é composto pelas letras A, U e M. Em sânscrito a vogal O é composta pelo ditongo A + U. As letras representam os gunas da Prakriti (leia aqui sobre os três gunas) e ainda a trindade hindu: Brahma, Vishnu e Shiva. A é nirman (criação de tudo), é Brahma, o criador e a Terra. U é shiti (conservação do Universo), é Vishnu, o preservador. O espaço M é Pralaya (transformação do Universo), é Shiva, o dstruidor e a iluminação. Observe que na existência tudo é regido por estas três energias: criação, preservação e destruição. Conheça o simbolismo de seu traçado:   [caption id=\"attachment_16076\" align=\"alignnone\" width=\"442\"] O OM contêm em si os cinco elementos[/caption]   [caption id=\"attachment_16075\" align=\"alignnone\" width=\"449\"] O símbolo e os estados da consciência[/caption] Escute esse vídeo para meditar com o pranava: https://www.youtube.com/watch?v=SBiwLibZqfw

Sanscrito a lingua do Yoga
Filosofia do Yoga | 16 mar 2021 | Daniel De Nardi

O SÂNSCRITO NO YOGA

Por que usar termos em sânscrito para as técnicas do Yoga?   Para responder esta pergunta é essencial que você entenda o valor que a cultura do Yoga tem em sua prática. Esta filosofia possui mais de 5000 anos, o valor desses milhares de anos e das milhões de pessoas que passaram por esse processo é inestimável na construção dessa cultura. O Yoga não possui uma hierarquia engessada, mas há liberdade entre professores para adequar as práticas aos anseios dos alunos. O Yogin valoriza a cultura ancestral, valoriza o poder dessa transmissão de conhecimento ao longo de centenas de gerações de praticantes. O Yoga está vivo graças a esse compromisso com a cultura precedente. Usar a língua que possivelmente foi falada por Shiva, o primeiro praticante, é um respeito à tradição desta filosofia. Outras facilidades que a utilização do sânscrito traz é o rápido reconhecimento das técnicas por uma linguagem universal. Claro que há diferenças nas nomenclaturas, mas mesmo assim, ainda vale a pena saber o mínimo.    Além disso, usar uma língua como padrão é praxe em várias atividades. Se você dança ballet irá escutar o nome dos passos em francês, se estuda música, os ritmos serão ditados em italiano e se estuda tecnologia, terá que ler os termos em inglês. Você não precisa ser um sânscritista, são poucas técnicas que vale a pena aprender o nome o que será muito útil em uma sala cheia em que você não consegue perguntar nada ao professor. Vamos ajudá-lo a vencer o trauma do sânscrito indicando um dicionário on-line para pesquisas rápidas ;)   http://spokensanskrit.de/   Para saber mais sobre conteúdo de Yoga aperte este botão

Filosofia do Yoga | 13 out 2020 | Daniel De Nardi

PARA ONDE NOS LEVAM AS PALAVRAS

Para onde nos levam as palavras My Fair Lady, interpretada no cinema pela musa Audrey Hepburn, surgiu muito antes como musical da Broadway. Os musicais assim como as óperas tem um grande obstáculo na construção de enredos - a música. O principal tema, ocupa muito espaço dentro da trama o que dificulta um enredo mais elaborado. Entretanto, My Fair Lady, com a simplicidade de um musical (queria por dos anos 30 para ficar igual a música do Legião Urbana mas não deu) do início do século XX consegue passar uma mensagem a um só tempo importante e profunda. Na trama, Henry Higgins, um culto professor de fonética, conhece Eliza Doolettle, moradora de rua e vendedora de flores, e aposta com seu amigo que consegue transformá-la em uma dama (Fair Lady) em apenas 6 meses. Na sociedade de hoje, em que a classe emergente ocupa cada vez mais espaço na hierarquia social mesmo não tendo a bagagem que era exigida outrora, poderíamos questionar - Seis meses? Para que tanto, basta um banho de loja na Quinta Avenida e ela já estaria pronta. Para parecer uma dama sim, apenas um cartão de crédito ilimitado já seria suficiente para Doolete. No entanto, Henry sabia das coisas e como descobrimos ao longo da história, sua intenção não era apenas levá-la numa festa como um enfeite e enganar sua procedência.  Por onde Higgins começou? Roupas, curso de etiqueta, restaurantes e lugares badalados? Não, nada disso - linguagem. Sim, as palavras que ela usaria e como pronunciaria tais palavras, isso a mudaria de fato. Mudaria a forma que ela veria o mundo, mudaria a forma como o mundo a veria.  O professor não queria apenas que Eliza fala-se o inglês da nobreza britânica, mas desejava transformá-la. A forma como dizemos as coisas e que expressões usamos para dize-las fala muito mais sobre nós mesmos que aquilo que estamos dizendo.  E mudar significa necessariamente modificar o padrão dos pensamentos. E as palavras são a matéria-prima dos pensamentos, logo, um vocabulário mais elaborado é o que permite uma linha de pensamento mais complexa.     \"Não é exagero afirmar que um casal que haja lido Garcilaso, Petrarca, Góngora e Baudelaire ama e usufrui mais do que outro, de analfabetos semi-idiotizados pelas séries de televisão.\" Vargas Llosa  Como disse Vargas Llosa acima, a leitura, que vai nos acrescentando vocabulário e consequentemente clareza nos pensamentos e na comunicação, irá contribuir não apenas para nosso desenvolvimento profissional, mas como amantes, amigos, companheiros de conversa. As palavras são poderosas, elas mandam no mundo e mandam em nós também. Não despreze o poder das palavras elas mudam as pessoas.              Podcast com esse texto narrado https://soundcloud.com/yogin-cast/sabias-palavras-podcast-94  

Filosofia do Yoga | 3 ago 2020 | Equipe YogIN App

Mantra, Bhajans e Kirtans

Entendendo o significado: Mantra, Bhajans e Kirtans! O mantra é uma prática milenar na Índia e posssui ínumera variações de entonação ou de objetivos. Para ouvir a explicação sobre Mantra, Bhajans e Kirtans CLIQUE NA IMAGEM ABAIXO     Mantras nos Vedas Costumamos chamar todos os cânticos hindus como mantras, porém nem todos são realmente mantras. Mantras são os versos dos Vedas. Vedas são as escrituras mais antigas do hinduísmo e também um dos conjunto de escrituras sagradas mais antigas do mundo, milhares de anos antes de Cristo e até mesmo de Buda. Como são parte dos Vedas, eles têm uma estrutura muito rígida, pois não se busca a musicalidade, mas a transmissão de uma informação, de um ensinamento. Eles carregam instruções específicas para o autoconhecimento, rituais, entre outros elementos, que devem ser decifradas com o auxílio de um professor e da tradição de ensinamento.     Ouça também via Spotify ou Soundcloud.       A palavra mantra pode ser traduzida como liberação da mente. Divindo-se man e tra, temos: man de manas, mente e tra de liberação. Então não existem mantras em português? Depende, do conceito tradicional hindu não, mas se considerarmos mantra como um som que envolve uma vibração sim. Acontece que neste princípio toda palavra é um mantra. Na nossa vida diária nós usamos palavras para fazer tudo que precisamos e para obter tudo que precisamos. Cada mantra ou palavra é um padrão sonoro que sugere para mente o seu significado inerente e a mente responde imediatamente. Cuidado com as palavras que você mais usa, minha mãe sempre dizia que a boca fala do que o coração está cheio. Através das suas palavras você pode mudar sua vibração e vice versa. Mas cantando os mantras em sânscrito, considera-se que a vocalização tem mais poder. A língua sânscrita é considerada uma língua revelada, portanto sagrada, assim como o aramaico, o hebraico ou o latim o são para a religião judaico-cristã. Como língua, o sânscrito tem a virtude de conseguir comunicar nuanças de significados muito sutis, e sua vibração sonora produz efeitos não somente na mente mas também, por ressonância, nos corpos energético e material. De acordo com o Ramana Maharshi, a repetição de mantras, com a atenção direcionada para a fonte do som, envolve a mente completamente. A fonte não são as cordas vocais sozinhas, mas também a idéia do som que está na mente, cuja fonte é o “Eu”. Assim a prática da repetição de mantra é mais que uma sugestão, é um pequeno conselho ou idéia. É um meio de ficar em contato consigo mesmo.   Mantra Pronunciado e Mantra Mentalizado O Kularnava Tantra nos ensina que há três formas de fazer um mantra: mentalmente (manasika), murmurando e em voz alta (vaikharia). Considera-se que o mantra murmurado seja mais poderoso que aquele feito em voz alta, e que o mantra feito mentalmente seja mais eficiente que o murmurado. No entanto, a mesma escritura nos aconselha a mudarmos de técnica quando percebermos que estamos perdendo a concentração ou quando estamos nos distraindo, passando da repetição mental para a verbalização em voz alta ou vice-versa. É possível também associar o mantra com um yantra, um símbolo. Por exemplo, ao gayatri mantra corresponde o yantra do mesmo nome, que pode ser visualizado mantendo-se os olhos fechados ou focalizado com eles abertos durante a meditação. Algumas pessoas afirmam que os mantras não têm significado, ou que saber o que o mantra quer dizer não é importante, eu discordo, acho que sabendo o significado de um mantra colocamos ainda mais bhava (sentimento) ao cantar. Na tradição hindu, os mantras são considerados Shruti, revelação. Isso significa que esses sons não foram criados por um autor humano, mas percebidos em estado de meditação pelos sábios da antigüidade, chamados rishis. Esses sons descrevem as diferentes revelações que estes sábios tiveram, e servem como indicadores para orientar os humanos em direção ao autoconhecimento. Tem mantra para tudo na Índia, tipo livrinho de orações, para antes de comer, para casamento, mantra para abrir os caminhos. É muito utilizado antes de um curso fazer um mantra a Ganesha, que é o destruidor de obstáculos.   Mantra, Kirtans e Bhajans Começamos falando que os Mantras vêem dos vedas, o que nao é verso do vedas pode ser kirtan ou bhajans. Bhajan em hindi significa salmos, é qualquer tipo de música devocional hindu escrita como um poema. Não tem forma fixa e nem repetições como nos kirtans. Kirtan significa cântico. É o mantra que possui várias notas musicais, várias palavras e possui tradução. Kirtan é um mantra extroversor, canta-se muita vezes batendo palmas. O Om Namah Shivaya é um dos exemplos mais famosos de kirtans. Temos uma playlist chamada \"yoga com mantras\", onde na verdade a maioria são kirtans, no Spotify. Tem playlists com o nome da aula do professor para você utilizar durantes as práticas também. Clique para ouvir! https://open.spotify.com/playlist/6pcjjJdwU71blBSPO8WHu9?si=61NzZK3HREiRbBe8TWp31A     Qual a diferença de Praticar Yoga pelo YouTube de ter seu próprio Studio de Yoga Online? No YogIN App Studio temos aulas de Yoga ao vivo todos os dias e você também pode fazer aulas gravadas montadas em formato de série conforme seu objetivo na prática. Digamos que seu objetivo com o Yoga seja Alongar. No YogIN App Studio você encontra uma série que vai passo a passo produzir melhor alongamento. Agora, se o que você quer no Yoga é Silenciar a Mente. Neste caso, você também encontra Séries de Aulas que Silenciam a Mente a partir da Respiração ou Meditação. Além disso, os alunos do YogIN App Studio recebem materiais complementares para conhecer melhor tudo o que está por trás dessa prática milenar. Aulas de Yoga Ao Vivo Todos os Dias No YogIN App Studio você pode fazer aulas de Yoga ao vivo todos os dias. Para conferir a programação com toda a agenda de aulas dos próximos dias - CLIQUE AQUI e busque o que espera com a prática de Yoga. Aulas de Yoga Gravadas com seu Objetivo Para entender melhor como as aulas no YogIN App Studio estão organizadas - CLIQUE AQUI e busque o que espera com a prática de Yoga. Então se está buscando o Yoga com algum desses objetivos, faça a aula recomenda acima e perceba em si mesmo se a prática funciona. Não vai custar nada essa aula de yoga online gratis e acho que você vai gostar.   Namaste! new RDStationForms(\'newsletter-yogin-formulario-1c3fb174b015350a9cd5-html\', \'UA-68279709-2\').createForm();