Wild Wild Country – Crítica do documentário – Parte 2 – O início do Osho – Podcast #64

HOME > BLOG > Wild Wild Country – Crítica do documentário – Parte 2 – O início do Osho – Podcast #64

Podcast de Yoga | 22 fev 2021 | Daniel De Nardi


Wild Wild Country – Crítica do documentário – Parte 2 – O início do Osho – Podcast #64

Nesse podcast vamos entender como foi a vida do Osho antes do documentário começar a retratá-la. Saiba mais sobre a biografia do líder espiritual indiano e entenda como isso refletiu-se na sua trajetória.

Maharish Mahesh Yogi, o Guru dos Beatles que instigou a carreira de Osho. 

 

 

LINKS

 

 

 

 

 

 

1957-25-professor de artes substituto depois de 4 meses desempregado apos formar-se

1959-27-viajar 1961-29-Jabalpur (De 60 a 67 dava palestras todo domingo as 20h)

1962-30-primeiro centro, atende pedindo doações e da um pequeno campo de meditação de 3 dias com menos de 50 pessoas num local aberto sem alojamento

1963-31-25 a 30 pessoas toda terca meditacao 20h e da o segundo pequeno retiro de meditação de 3 dias com cerca de 50 pessoas

1964-32-primeiro camp de 5 dias com bastante (60 pessoas) gente a cada 3 meses (primeiro livro)

3 Jun 1964 1965-33-JJK (segundo livro)

1966-34-revista em junho

1966-34-demissao em agosto e satsang no Lions em 16 dez

1968-36-palestra do sexo a supra (seu quarto livro)

1969- 37- Satsang no CCI Chambers em 26 Aug

1969- 37-prim sats pra turistas em 1 Oct Documento provando que o JJK iniciou aqui em 11 de Junho

1970-38-jabalpur Jun 27, festa de despedida -jabalpur Jun 29, parou de agendar novas viagens e deixou só as agendadas, até dezembro -mumbai CCI Chambers – Jul 1, mudou-se para Bombaim e começou a dar discursos diários para cerca de 50 pessoas -comecou dar diksha em 25 de Setembro para 6 pessoas (total 10 livros)

28 Set -Woodlands em 8 de Dezembro por 250.000 rupias 1971-39-adotou bhagwan (14 livros)

1972-40-falou q era iluminado. 3.800 chelas na Índia e 134 fora (21 livros) 1974-42-puna (ate aqui tinha 31 livros) 21 Mar 1974 Comecou a falar diariamente

1975-43-vender terapia e mudou o nome do JJK pra Rajneesh Foundation em 23 Outubro 1976-44-expandiu ashram e comecou a propagar a necessidade de “nova comuna”

1977-45-exige rendicao para moradores do ashram e Rajneesh International University (cuja mensalidade era a maior renda) 1979-47-darshans de energia 1981-49-eua (ate aqui tinha 145 livros)


Compartilhar: Compartilhar no http://WhatsAppCompartilhar no http://FacebookCompartilhar no http://Twitter

Daniel De Nardi>

Daniel De Nardi

Daniel é Professor de Yoga há mais de 20 anos. Pesquisador do Yoga e das raízes dessa Filosofia Milenar. É autor de diversos livros: "Aprenda a Meditar com o Yoga", "As Origens da Meditação e do Yoga", "Asana - Posturas do Yoga", "Como a Meditação funciona?", "O Yoga do Autoconhecimento", "Pra que Meditar?", dentre outros. Também é responsável por produzir a série de podcasts "Reflexões de um YogIN Contemporâneo" do YogIN Cast, o canal de podcasts de Yoga mais acessado do Brasil. Instagram: @reflexoesdeumyogin

7 comentários

    YogIN App rUBIANA |

    fiquei curiosa no assunto depois de assitir o documentário e ao pesquisar mais sobre o tema encontrei o podcast. muito legal saber mais, parabéns pelo conteúdo!

    YogIN App Carolina Fonseca |

    Rubiana, que bom que gostou!
    Todas as quintas é dia de podcast novo aqui no blog.
    Namastê.

    YogIN App Leandro Heuser |

    Curtindo muito Daniel!

    YogIN App Dâmokles Lira |

    Esperando o próximo!

    YogIN App bhavajananda |

    É. Não é só no brasil que vemos esses tipos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos relacionados

O Segredo do Yoga que até Patanjali esondeu
O Maior Segredo do Yoga | 20 jun 2021 | Equipe YogIN App
O Segredo do Yoga que até Patanjali esondeu

O Segredo do Yoga que até Patanjali esondeu https://youtu.be/kMJwiYHaX4M Patanjali foi o primeiro mestre a escrever um livro exclusivamente de Yoga e ele escondeu um segredo que vou revelar no Dia Internacional do Yoga, dia 21 de junho, às 21h.  Quer saber qual o maior segredo da História do Yoga? Inscreva-se para saber mais no botão abaixo.    

O Maior Segredo do Yoga
Dicas de Yoga | 20 jun 2021 | Equipe YogIN App
O Maior Segredo do Yoga no Dia Internacional do Yoga

O Maior Segredo do Yoga O Maior Segredo do Yoga no Dia Internacional do Yoga, dia 21 de junho! https://youtu.be/wSn6gAegqHk Há um segredo no Yoga desconhecido por quase todos os professores de Yoga.  Em comemoração ao Dia Internacional do Yoga, dia 21 de junho, às 21h, vamos revelar esse segredo numa live surpreendente.  Quer saber qual o maior segredo da História do Yoga? Inscreva-se para saber o segredo através do botão abaixo!  

Dia Do Yoga
Filosofia do Yoga | 19 jun 2021 | Equipe YogIN App
Dia Internacional do Yoga – 21 de junho Dia do Yoga

Dia do Yoga - Por que esta é a data mais importante para os Yogins? Dia do Yoga, entenda a importância desta data!   https://youtu.be/RnRXlzIIIP0   A oficialização na ONU Você sabia que a oficialização do Dia Internacional do Yoga na ONU foi a votação mais bem sucedida em toda a história das Nações Unidas?  O Dia do Yoga foi aprovado por todas nações em apenas 90 dias. 175 Nações concordaram em difundir os benefícios desta prática milenar.   Por que 21 de junho? O Dia 21 de junho marca o Solstício de Verão, o dia em que o Sol fica mais próximo da Terra no Hemisfério Norte. Esse é o Dia mais longo do Ano. O Hinduísmo considera o Solstício o momento em que as divindades adormecem em seu sono celestial, mas segundo a tradição, elas voltam a despertar 6 meses depois no equinócio, que é o oposto do Solstício, é nesta data, a terra fica mais longe do sol, por isso, o dia com menos luminosidade do ano.   Uma Homenagem aos Professores Além disso, a primeira lua cheia após o solstício é chamada de Guru Poornima. Uma data que também é importante no calendário dos Yogins. O Guru Poornima é uma festividade em homenagem aos professores, gurus, aqueles que colocam luz no caminho. Para saber mais sobre a data Guru que inspirou o Dia do Yoga - Clique AQUI https://yoginapp.com/mestres-de-yoga-album-de-fotos/   O Primeiro Guru e o Primeiro Yogin De acordo com a tradição yogin, a primeira transmissão do conhecimento do Yogin foi feita neste dia por Shiva, o primeiro Guru e também primeiro Yogin. Fique atento ao Instagram do YogIN App Studio   O Maior Segredo da História do Yoga Há um segredo no Yoga desconhecido por quase todos os professores de Yoga.  Em comemoração ao Dia Internacional do Yoga, dia 21 de junho, às 21h, vamos revelar esse segredo numa live surpreendente.  Quer saber qual o maior segredo da História do Yoga? Inscreva-se para saber o segredo através do botão abaixo     Esperamos você por lá! Namastê!

Bakasana
Dicas de Yoga | 18 jun 2021 | Daniel De Nardi
Bakasana – Garça ou Corvo?

Bakasana postura da garça ou do corvo? O Bakasana é uma postura tradicional do Yoga. Conhecida também pelo nome de kakasana, mas isso, provavelmente foi um erro de transmissão de conhecimento, visto que o nome bakasana aparece apenas numa escritura do sul da Índia chamada Hatha Radha Navali, no entanto, escolas do norte da Índia, como a Shivananda, visitaram o sul para aprender posturas e entre elas estava o bakasana que depois começou a ser ensinado com o nome de kakasana em algumas escolas do Norte. Baka significa garça e Kaka corvo. Comparando a postura com os dois animais fica evidente que a postura assemelha-se muito mais a uma baka, garça, que a um corvo kaka.     Baka é uma expressão usada tanto para pureza quanto para a falsidade, hipocrisia. Como algo pode ser puro e ao mesmo tempo falso? Religiosos indianos (vaishnas) chamam de baka o falso devoto, aquele que se diz devoto, mas não é. Eventualmente, os vaishnas chamam os yogins de bakas ou falsos devotos. Isso acontece, porque os yogins, reconhecem que a divindade está dentro de si, o que para os religiosos não passa de uma egolotria. Já os yogins usam a expressão baka para tratar da pureza. Na visão do Yoga, o que é divino e verdadeiro não precisa ser buscado fora, já está no nosso interior. Textos yogins como as Upanishads, consideram que Brahman, o divino, está dentro do coração de cada pessoa. Para reforçar esse conceito, Yogins usam a expressão, Shivoham que significa Eu Sou Shiva, Eu Sou Deus. A postura do bakasana pode ser executada com uma Meditação sobre as aparências, onde o que é falso a partir de um ponto de vista pode ser verdadeiro quando visto sob outra ótica. Se você acredita na divisão entre humanos e divindades, baka pode significar hipocrisia, já se reconhece o divino dentro de si, baka é a pureza, a verdade.   Aprenda mais sobre as posturas do Yoga, os asanas baixando o ebook! new RDStationForms(\'ebook-asana-posturas-do-yoga-20927af5b3e8c03b81b9\', \'UA-68279709-2\').createForm();